Como fazer a reforma da casa em família

Tempo de leitura: 3 minutos

Confira algumas dicas de como fazer uma boa reforma em casa, com o mínimo de transtornos para sua família.

Quando vamos fazer qualquer coisa em família, é importante ter diálogo e contribuição de
todos os membros. No momento de fazer a sonhada reforma na casa, então, isso é essencial.
Para que tudo dê certo, os moradores precisam estar engajados no projeto. Confira a seguir
como fazer uma boa reforma em família!

1. Comece pelo planejamento 

O planejamento é o primeiro passo de qualquer reforma. É neste momento que os moradores deverão definir qual é a verba disponível e a parcela de contribuição de cada um. Pesquisas de custo de material e de mão de obra são muito importantes para entender melhor as possibilidades.

Anote e discuta os pedidos de cada integrante da família, defina o escopo da reforma e liste as prioridades, para que elas sejam atendidas mesmo que o orçamento seja apertado. Em uma folha de papel ou planilha, anote os seguintes itens:

1. Data de início da reforma.
2. Duração da reforma.
3. Data de término da reforma.
4. As etapas da reforma.
5. Custo estimado de material.
6. Custo estimado de mão de obra.
7. Custo total da reforma.
Importante: calcule de 15% a 25% do total do orçamento para gastos imprevistos.

2. Converse com as crianças

É muito satisfatório ver a participação dos pequenos na reforma da casa. Para entender como
eles se sentem e o que querem, nada melhor do que desenhar. Proponha desenhos do
ambiente que será reformado e analise da seguinte forma: as áreas e objetos desenhados com mais detalhes são os mais importantes para as crianças.

3. Conheça os profissionais

O ideal é que a família conheça toda a equipe de reforma e construção. Para realizar os
reparos, os trabalhadores acessam a área da casa, que muitas vezes fica aberta durante o dia,
então é importante que todos saibam quais são as presenças autorizadas. Além disso, caso
haja alguma situação de risco, os moradores devem alertar os profissionais responsáveis
imediatamente. Na parte de fiscalizar as obras, é melhor eleger um porta-voz para que as
instruções com as equipes sejam mais simples e organizadas.

4. Programe a rotina

Elabore um cronograma com os horários de cada um. Dessa maneira é possível conciliar as
necessidades da obra com o dia a dia da casa. Assim você evita, por exemplo, que o
abastecimento de água seja desligado bem na hora do banho, entre outros transtornos.
Repasse o relatório ao responsável pela obra, para que fique garantida a harmonia do convívio familiar com privacidade e bem-estar.

5. Faça um cômodo por vez

Para reduzir o desconforto e a sujeira de uma obra, o melhor é reformar um cômodo de cada
vez, para que os trabalhos fiquem concentrados em um ponto da casa. Por exemplo, se for
trocar o piso da casa, não há necessidade de quebrar todo o piso da casa e instalar o novo aos poucos.

6. Participem todos juntos 

Se toda reforma traz desconforto, o melhor a se fazer é encarar o momento com bom humor,
juntos e unidos! Durante os trabalhos, pode ter certeza, todos poderão ajudar de alguma forma.

Peça ajuda de todos na verificação dos detalhes e na hora de armazenar e proteger a mobília
de cada espaço. Guarde as miudezas em caixas etiquetadas e cubra os móveis maiores com
lona ou papelão grosso. Vede bem os guarda-roupas para não entrar poeira pelas frestas.

7. Conte com a nossa família

A Primos Materiais para Construção é uma loja de família pronta para ajudar a sua. Conte
conosco! Clique aqui para nos enviar uma mensagem por WhatsApp ou faça-nos uma visita.

Você também pode se interessar:

● Dicas para economizar no acabamento da sua obra!
● Conheça as 10 ferramentas que são essenciais para construção!
● Gesso ou massa corrida? Veja qual é o melhor para sua obra ou reforma!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *